Notícia

First slide

DF passa a cobrar pelo descarte de resíduos da construção civil

DF passa a cobrar pelo descarte de resíduos da construção civil

Começa a valer a partir do 15 de junho a cobrança para descarte de resíduos da construção civil e volumosos na Unidade de Recebimento de Entulhos, na área do antigo lixão da Estrutural (DF).

O valor deverá ser pago pelos transportadores, que por sua vez, deverão escolher no sistema de cadastro do Serviço de Limpeza Urbana (SLU) a modalidade de cobrança compatível com o seu modelo de negócios e com as características dos clientes.

Os valores serão calculados a partir da quantidade de toneladas ou pelo unitário de cada caçamba. A Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa-DF) determinou o preço de R$ 26,91 pela tonelada de resíduos mistos e R$ 14,68 para materiais recicláveis puros.

O preço unitário da caçamba de 5 m³ será calculado com base no valor fixo de 6 toneladas, independentemente do peso transportado.

A Unidade de Recebimento de Entulhos não aceitará o descarte de resíduos com mais de 20% de materiais orgânicos misturados.

Segundo o Serviço de Limpeza Urbana, o pagamento será sempre referente ao mês anterior. Portanto, os transportadores irão pagar, no início de julho, o equivalente aos 15 dias vigentes de junho. Após esse prazo, fica permitido somente o acesso de veículos devidamente cadastrados no Sistema de Gestão dos Resíduos da Construção Civil, disponível no site do SLU, e acompanhados do Controle de Transporte de Resíduos.

FONTE: www.aecweb.com.br